segunda-feira, 23 de maio de 2011

Carta que será enviada ao Senado Federal

Exmo. Sr. Senador,

Venho manifestar a Vossa Excelência meu desejo de que o PLC 122/2006, mais conhecido como “Lei da Homofobia”, seja rejeitado pelo Congresso Nacional.

O PLC 122/2006 havia sido arquivado, no fim de 2010, em obediência ao regimento interno do Congresso. Em fevereiro deste ano, porém, a senadora Marta Suplicy conseguiu as assinaturas de 26 senadores para que o projeto voltasse à pauta.

Entretanto, os nomes desses senadores foram cuidadosamente omitidos, e até o momento não foram revelados. Esse fato de per si demonstra como o projeto é contrário ao sentimento da população brasileira, majoritariamente cristã.

Com efeito, a “Lei da Homofobia”, se aprovada, instalará uma verdadeira perseguição religiosa em nosso País, pois tornará crime a livre manifestação dos que rejeitam a homossexualidade e não concordam com o exibicionismo homossexual. Tenderá ainda a criar uma classe de indivíduos privilegiados por sua “opção sexual”, com benesses próprias, defendidas pelo Estado, pelo simples fato de se entregarem à prática homossexual.

O Código Penal já prevê punições para eventuais agressões ou ofensas, sem necessidade de constituir uma classe privilegiada.

A maioria dos brasileiros rejeita o PLC 122/2006, e não quer instalada no Brasil o que tem sido chamado de “ditadura homossexual”.

Vimos assim pedir a Vossa Excelência que faça sua parte para que o Brasil, ordeiro e pacífico, não seja lançado nessa mal disfarçada reedição da “luta de classes”, de conseqüências drásticas para o bem comum de nosso País. Vote contra, Sr. Senador.

Atenciosamente

Rinaldo Moreira da Nóbrega

Nenhum comentário:

Postar um comentário