quarta-feira, 29 de junho de 2011

Bolsonaro é absolvido no Conselho de Ética da Câmara



Maioria absolveu Bolsonaro das acusações de quebra de decoro
O deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) foi absolvido pela maioria dos parlamentares, no Conselho de Ética da Câmara, da acusação de quebra de decoro parlamentar.

O Conselho analisou o parecer do relator nesta quarta-feira. Dez deputados votaram contra o relator, que aceitou a denúncia por racismo e homofobia, e sete votaram a favor. Houve também cinco ausências na votação.

Bolsonaro foi acusado de quebra de decoro por declarações consideradas racistas e homofóbicas, no programa de TV “CQC”, e por ter ofendido a senadora Marinor Brito, de acordo com representação do PSOL.

Fonte: Pop

Nenhum comentário:

Postar um comentário