segunda-feira, 27 de junho de 2011

Nota sobre a Marcha pra Jesus

Devido aos recentes ataques feitos pelas midias de ponta, devido ter um projeto que afronta a familia brasileira, a constituição, o cidadão brasileiro e nós evangelicos que também somos cidadãos deste país, venho aqui expressar minha opinião sobre a Marcha para Jesus:

1º Temos o direito e o dever de organizar uma marcha com tamanha grandeza para levar o nome de Jesus ao maior numero de pessoas possiveis, esse ano teve cerca de cinco milhões de pessoas nas ruas de São Paulo.

2º O Pastor Silas Malafaia agiu certo em descer o cacete nessa midia sençacionalista , parcial, que tenta de todas as formas denegrir, agredir e humilhar nós como evangelicos, eles querem que permanecemos calados, sem fazer movimento nenhum, na Marcha pra Jesus, a cobertura foi irrisória, algumas vezes nos tachando de preconceituosos.

Hoje no Bom Dia Brasil, teve Globo, passou uma cobertura grande a respeito da parada Gay, inclusive com entrevista, nesta entrevista um dos integrantes do movimento realatou que eles não querer mudar as pessoas para ser homossexuais, agora pergunto, como não? e o Kit Gay o que é? nada mais é do que uma lavagem celebral nas crianças e assim sendo formar uma sociedade sodomita.

3º A Marcha pra Jesus está crecendo a cada ano, um movimento solido, com base familiar, sem confusão, em que todos vão por um objetivo, adorar a Deus, pregar o evangelho, comemorar, festejar, alem do mais os evangelicos também tem o direito de se divertir, tem o direito de fazer suas reividicações, também tem o direito de fazer suas manifestações.

4º A Marcha pra Jesus aproxima as pessoas em torno do evangelho, encurta distancias entre os familiares, pois vem caravanas de todos os lugares para participar do evento, a marcha é uma programação familiar, onde todos podem participar com alegria, desde o mais novo até o mais velho, todos juntos louvando e orando por esse imenso Brasil, conhecem mais através da palavra e de louvores o nosso Deus vivo.

Conclusão: Querer comparar a Marcha para Jesus com a parada gay é o mesmo que comparar um elefante com uma formiga, ou seja não se pode comparar até por que a Marcha pra Jesus presa pelos princípios familiares.

foi na Marcha para Jesus onde o pastor Silas falou que na constituição reconhece como união afetiva no artigo 226 entre homem e mulher. o o que diz o artigo: Art. 226: A família é a base da sociedade, tem especial proteção do Estado.

§ 3º Para efeito de proteção do Estado, é reconhecida a união estável ente o homem e a mulher, como entidade familiar, devendo a lei facilitar suas conversão em casamento.

No art. 2º da Constituição diz: São poderes da União, independentes e harmônicos entre si, o Legislativo, o Executivo e o Judiciário.

As atribuições de cada um

Legislativo - Vem de legislar, criar leis e fiscalizar
Executivo - Vem de Executar, é ele que tem o poder de por as Leis em Pratica
Judiciário - É o que julga se as coisas estão de acordo com a Lei.

Por tanto o poder Judiciário STF, invadiu as atribuições do poder Legislativo, então o pastor Silas tem todo direito de reclamar, e não só ele não, todos temos direito de reclamar, de soltarmos nossa voz contra essa injustiça, sendo assim a Marcha para Jesus foi um sucesso e cumpriu seu papel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário